Category Mercado Imobiliário

Yes Empreendimentos inova e amplia a forma de habitar em Floripa

A empresa Yes Empreendimentos Imobiliários lança mais uma oportunidade e inova no mercado imobiliário. A Housi, primeira plataforma de moradia por assinatura 100% digital e sem burocracia, será disponibilizada ao conceito VIBE para ampliar ainda mais os negócios e investimentos. A plataforma digital já está presente no bairro Campeche, em Florianópolis, com foco em locação, sendo referência na concepção de moradia rentável, prática e inovadora.

O conceito VIBE traduz tecnologia e praticidade que será integrada à gestão inovadora e rentável de um mercado novo e indiscutivelmente promissor, quando se trata de potencialização de negócios imobiliários. Alta rentabilidade por meio de locações residenciais, vinculadas a uma plataforma 100% digital, de alcance mundial. Um serviço de moradia por assinatura para um público, que procura imóvel pronto, mobiliado e sem burocracia para alugar. 

Empreendimento com excelente localização no sul da ilha, próximo ao aeroporto, área totalmente revitalizada e de fácil acesso às praias e ao centro da cidade. Apartamentos Lofts e Studios de 40 a 115m2. O empreendimento conta com áreas comuns que funcionam como uma extensão do apartamento, dispondo de coworking, com sala para reuniões, wi-fi coletivo, piscina aquecida no rooftop (raia com borda infinita), lounge pub, academia, grab & go na recepção, lavanderia OMO, placas fotovoltaicas que viabilizam a captação de energia para as áreas sociais, estação de recarga VE para veículos elétricos, sala multiuso, bikes elétricas compartilhadas, Ifoodbox, segurança High Link, entre outras facilidades. 

“Florianópolis é uma das capitais brasileiras que mais oferece bons negócios a investidores. O processo migratório é um grande exemplo do crescente que vive a cidade e região. Da mesma forma que a renda da população local vem em uma crescente considerável, ao qual demonstra que a capital dos catarinenses é uma cidade promissora e que mantém seu mercado sempre aquecido. Nesse sentido, o conceito VIBE atende esse exigente mercado consumidor”, afirma Flavio Antunes de Figueiredo, CEO da Yes Empreendimentos Imobiliários.

O processo inovador de moradia alavanca essa nova era, juntamente com a plataforma digital, que é um dos grandes responsáveis pela ascensão de bons negócios para investidores imobiliários. O conceito VIBE é um agregador da alta rentabilidade, alinhado às tendências de consumo moderno e inovador. Empreendimentos entregues com facilities e compartilhamentos, produtos performados para rentabilizar.

A Yes Empreendimentos dispõe de 15 anos no mercado, trabalhando com excelência e trazendo, cada vez mais, ótimos conceitos em empreendimentos, ascendendo ao mercado consumidor e de investimentos. 

Lago Sul é o local com m² mais caro do Distrito Federal, segundo relatório do Wimoveis

O relatório realizado pelo Wimoveis, maior portal imobiliário do Distrito Federal, aponta que o preço do m² em Brasília está, em média, R$10.892/m².Dessa forma, um imóvel brasiliense padrão (65 m², dois quartos e uma vaga) custa R$ 707 mil, sem variações no mês. Além disso, o relatório aponta que Lago Sul é o local com maior valor médio com R$ 14.215/m², chegando a 2,8% de variação mensal.

Até o momento, os valores acumulam, em 2021, alta de 8,7%, acima da inflação IPCA-15 (8,3%). Em Brasília, os locais que tiveram um aumento significativo no valor do m² foram Jardins Mangueiral – São Sebastião (R$ 5.267, +18%), Riacho Fundo II – Riacho Fundo (R$ 3.033, +19%) e Zona Industrial – Guará (R$ 11.781, +19%). Já os que tiveram maior queda no preço foram Setor Residencial Leste – Platina (R$ 2.495, -19%), Setor Hoteleiro Norte – Brasília (R$ 8.969, -8%) e Setor Habitacional Meireles – Santa Maria (R$ 3.008, -4%).

Veja os locais onde os preços dos imóveis são mais baratos e mais caros:

Mais baratos (R$/m²)Variação MensalVariação Anual
Setor Habitacional Contagem (Sobradinho)2.337-0,6%4,2%
Setor Residencial Leste (Planaltina)2.4957,0%-18,9%
Grande Colorado (Sobradinho)2.800-0,9%10,2%
Mais caros (R$/m²)Variação MensalVariação Anual
Setor De Clubes Esportivos Sul (Brasília)13.7001,8%9,2%
Superquadra Noroeste (Brasília)13.9740,7%16,9%
Lago Sul (Brasília)14.2152,8%S/D

Queda de 0,6% no mês no aluguel

Ainda de acordo com o relatório, o aluguel de um imóvel padrão (65 m², dois quartos e uma vaga) em Brasília chegou a um valor médio de R$ 2.693/ mês, com uma queda de 0,6%. Só em 2021, os preços acumulam uma alta de 1,9%, abaixo da inflação IPCA-15 (8,3%) mensal e bem abaixo do reajuste do IGP-M (Índice Geral de Preços de Mercado). O setor Hoteleiro Norte em Brasília é o bairro com maior preço de aluguel -R$ 4.958/mês.

Os locais que tiveram aumento significativo no valor mensal em outubro foram Jardins Mangueiral – São Sebastião (R$ 5.267, +18%), Riacho Fundo II – Riacho Fundo (R$ 3.033, +19%) e Zona Industrial – Guará (R$ 11.781, +19%).  Já os que apresentaram queda foram Setor Residencial Leste – Platina (R$ 2.495, -19%), Setor Hoteleiro Norte – Brasília (R$ 8.969, -8%) e Setor Habitacional Meireles – Santa Maria (R$ 3.008, -4%).
Confira os locais mais baratos e mais caros para locar um imóvel:

Mais baratos (R$/m²)Variação MensalVariação Anual
Ceilândia Norte (Ceilândia)998-2,7%-5,4%
Samambaia Norte (Samambaia)1.1400,1%2,9%
Taguatinga Norte (Taguatinga)1.1710,3%7,7%
Mais caros (R$/m²)Variação MensalVariação Anual
Zona Industrial (Guará)3.5472,5%S/D
Setor de Hotéis e Turismo Norte (Brasília)4.4341,5%1,3%
Setor Hoteleiro Norte (Brasília)4.958-1,0%1,2%

Rentabilidade

O índice de rentabilidade imobiliária relaciona o preço de venda e valor de locação do imóvel para verificar o tempo necessário para recuperar o dinheiro utilizado na aquisição do imóvel. No relatório de outubro, o índice subiu levemente para 4,1% do bruto anual. Dessa forma, são necessários 24,1 anos de aluguel para obter o valor investido na compra do imóvel, 7,5% a mais que há um ano.

Veja onde encontrar os índices de rentabilidade mais altos e baixos: 

Mais rentáveis%
Areal (Águas Claras)4,2%
Octogonal (Brasília)4,3%
Sudoeste (Brasília)4,3%
Menos rentáveis%
Setor de Hotéis e Turismo Norte (Brasília)7,2%
Samambaia (Samambaia)7,4%
Setor Hoteleiro Norte (Brasília)10,2%

Como proteger um smart building de vulnerabilidades cibernéticas

Por Bruno Oka, consultor de negócios de Segurança Cibernética na Schneider Electric

Edifícios inteligentes podem ser definidos como prédios que contam com sistemas de controle baseados em tecnologias digitais de Internet das Coisas (IoT), com conectividade, softwares analíticos e baseados em nuvem com o objetivo de:

  • Identificar e implementar eficiências (particularmente nas áreas de sustentabilidade, eficiência energética e custos operacionais);
  • Estender o desempenho e a longevidade da construção de ativos de infraestrutura;
  • Melhorar a experiência, o conforto e a produtividade dos ocupantes do edifício.

Neles é possível capturar valor por meio de eficiências, diferenciação e até mesmo novas fontes de receita, mas em razão do grande número de dispositivos conectados à internet também ficam expostos a ameaças de segurança cibernética. Sabendo a criticidade e confidencialidade das informações contidas nos sistemas, violações podem gerar prejuízos de milhões, além de interromper funções essenciais e ameaçar a reputação das empresas em um nível que pode prejudicar a confiança do consumidor, funcionário e investidor.

Para mitigar os riscos de segurança cibernética, proprietários de edifícios, operadores e até mesmo ocupantes precisam mudar a maneira como os sistemas de controle de edifícios inteligentes são arquitetados e gerenciados. 

  1. Avaliar e proteger os sistemas de controle de edifícios inteligentes

A defesa em profundidade é uma prática recomendada de Tecnologia da Informação (TI). Esse processo permite avaliar as ameaças; projetar e desenvolver uma solução para isolar e segmentar os componentes mais vulneráveis da rede; manter a operação do sistema quando houver comportamento anormal ou possíveis intrusões; e implementar um programa de auditorias periódicas de segurança cibernética e relatórios para garantir que as proteções sejam mantidas ao longo do ciclo de vida do sistema

  1. Escolher dispositivos IoT e fornecedores que sigam uma abordagem de ciclo de vida de desenvolvimento seguro

Ao considerar a instalação de novas tecnologias de IoT para aprimorar um edifício inteligente, é preciso avaliar os produtos e processos de fornecedores que consideram a segurança cibernética uma forte prioridade, visto que eles têm a capacidade de evoluir e se adaptar à medida que novas vulnerabilidades e ataques são identificados ao longo do ciclo de vida dos produtos. As proteções cibernéticas nos níveis de componente e software se concentram primeiro na proteção de cada dispositivo, host e aplicativo, bem como na conexão e comunicação entre esses dispositivos, o software do sistema de controle do edifício e, finalmente, por meio dos serviços em nuvem.

  1. Implementar arquiteturas de sistema OT seguras

Um sistema projetado usando esses princípios garante proteção contra intrusões que se originam tanto de dentro da rede quanto de conexões com redes externas. Porém, é importante notar que em um projeto de sistema seguro, as mudanças na programação ou atualizações nos componentes do sistema exigirão mudanças nos processos e procedimentos internos.

Por isso, é importante construir uma estratégia para monitorar o sistema em tempo real, enviando alertas para eventuais comportamentos suspeitos ou anômalos na rede ou em algum dos dispositivos monitorados. Um design seguro e controles e processos de segurança detalhados de defesa atualizados regularmente combinados ao monitoramento e relatórios ativos e contínuos vão garantir que o sistema permaneça protegido e manterão garantias de que as conexões com outras redes e nuvens não comprometerão a resiliência de controles centrais.

  1. Zonas de monitoramento de segurança de TI e OT

A ponte entre os sistemas de controle de edifícios seguros e outras redes potencialmente menos seguras pode ser permitida aplicando as melhores práticas de segmentação de perímetro de segurança cibernética de TI, com o uso de tecnologias de firewall seguras e uma Zona de Monitoramento de Segurança. O objetivo é filtrar, monitorar e controlar todos os dados e tráfego entre a Rede do Sistema de Controle Seguro e as redes externas. Ao fazer isso, é possível implantar quaisquer ferramentas de proteção de segurança cibernética.

Even lança 2ª fase do MONUMENTO SÃO PAULO, referência de Condomínio Clube no Morumbi

A Even, uma das maiores construtoras e incorporadoras do Brasil, irá lançar nos próximos dias 20 e 21/11, a 2ª fase do MONUMENTO SÃO PAULO, referência de condomínio clube no bairro do Morumbi. O empreendimento possui aproximadamente 60 mil m² de terreno e proporciona um ganho de qualidade de vida na região, com a preservação de uma extensa área verde de mais de 13 mil m², além de contar com uma ampla infraestrutura de comércio e serviços à sua volta, como restaurantes, farmácias, supermercados, hospitais, escolas, parques e fácil acesso às principais vias como a Av. Giovanni Gronchi, Marginal Pinheiros e Av. Prof. Francisco Morato.

Um dos projetos mais completos e grandiosos na Zona Sul, o MONUMENTO SÃO PAULO possui apartamentos de 2, 3 e 4 dormitórios, duas ou três vagas de garagem e vista privilegiada. A área de lazer reúne mais de 30 itens, incluindo um complexo aquático com cinco piscinas, quatro churrasqueiras, um clube com duas quadras, três playgrounds, três brinquedotecas, dois salões de jogos, além de quatro salões de festa.

“Nesse empreendimento trazemos equilíbrio e integração entre a natureza e a arquitetura contemporânea. Nas áreas comuns, estimulamos o bem-estar e a convivência, valorizando o design, a iluminação e os ambientes generosos e bem distribuídos, propiciando conforto e aconchego, além de toda a comodidade e segurança em um projeto bem resolvido e com o pensamento voltado sempre para o morador, oferecendo uma experiência de extensão de sua própria casa, explica Marcelo Dzik, Diretor Executivo de Incorporação da Even. O projeto retrata uma inovação no modo de morar, “O empreendimento traz ainda ambientes como o espaço mulher, fitness e brinquedoteca, todos bem equipados para proporcionar uma vivência completa. Apostamos no conceito de integração dos espaços de forma funcional”, completa Dzik.

MONUMENTO SÃO PAULO também é um exemplo de como a Even adota critérios ESG (Environmental, Social and Corporate governance) em seus projetos, desde a escolha do terreno, materiais de construção de fácil conservação e manutenção econômica, gestão de energia com controle automático da iluminação e dispositivos com menor consumo de energia, gestão de resíduos, gestão de água, pensando na praticidade do dia a dia e no planeta.

Ficha Técnica:

CONSTRUÇÃO: EVEN CONSTRUTORA E INCORPORADORA.

PROJETO DE ARQUITETURA: JONAS BIRGER ARQUITETURA.

PROJETO DE PAISAGISMO: NÚCLEO ARQUITETURA E PAISAGEM

PROJETO DE DECORAÇÃO: DÉBORA AGUIAR ARQUITETOS

TERRENO: 59.922 M2

PAVIMENTOS:

TÉRREO + 28 PAVIMENTOS

TOTAL: 78 VAGAS EXTRAS

UNIDADES RESIDENCIAIS:

907 UNIDADES NO TOTAL:

• 453 UNIDADES NA FASE 1 (TORRES A, B e C)

• 454 UNIDADES NA FASE 2 (TORRES D, E e F)

Living lança empreendimento na Zona Norte

Impulsionada pelo mercado comprador, taxas atrativas e o baixo estoque de produtos de qualidade na região, a Living, marca de médio padrão do Grupo Cyrela, retorna à Zona Norte com empreendimento em frente ao Norte Shopping. Trata-se do Living Wish Zona Norte. O residencial, localizado na área mais desejada da região, foi pensado para trazer lazer, comodidade, conforto, praticidade e modernidade. Após o sucesso de vendas em São Paulo, este é o primeiro projeto da Living com assinatura Wish, no Rio de Janeiro. 

“Os empreendimentos Wish em SP foram sinônimo de sucesso, então resolvemos trazê-lo para o Rio e reunir a qualidade do produto com uma localização única, já que estamos em frente a um dos maiores shoppings da região. Isso só reforça o nosso compromisso em entregar sempre o melhor para todos os públicos”, afirma Alain Deveza, Gerente Geral da Living. Confirmando a força da assinatura Wish, no primeiro fim de semana do stand de vendas aberto, já foram vendidas 50% das unidades e o espaço recebeu 1.200 pessoas interessadas no projeto.

Localizado na Avenida Dom Helder Câmara, o Living Wish Zona Norte contará com entretenimento e lazer dentro e fora de casa. Além de cinema, shopping, restaurantes e teatro na porta do empreendimento, o lançamento ainda oferece: academia, brinquedoteca, playground, salão de festas, churrasqueira, solário, piscina adulto com deck molhado, piscina infantil, aquaplay e chamativo pool stay: área de estar na piscina composta por mobiliário design, muito utilizado em empreendimentos e resorts de alto luxo. 

O residencial será construído em um terreno de mais de 7 mil metros quadrados com dois blocos. Ao todo, serão 298 unidades de 2 e 3 quartos com suíte, 45 a 60 metros quadrados. Todos os apartamentos serão entregues com piso laminado na sala e nos quartos. 

Marca registrada dos últimos lançamento da RJZ Cyrela, o novo empreendimento também conta com o sistema “Flex Home”, que permite ao cliente personalizar a casa do seu jeito diretamente com a construtora e criar novas funções para os ambientes, ampliando ou integrando, de acordo com as necessidades de cada um. Além da comodidade na hora do pagamento, o morador ainda evita obras após a entrega das chaves. 

Somente em 2021, o grupo Cyrela já lançou mais de 1500 unidades, com VGV de mais de 280 milhões, nas marcas Living e Vivaz. A meta deste ano é lançar mais de 2mil unidades. “Entendemos que o momento é bom, algumas regiões estão com o estoque muito baixo e o público tem elogiado a qualidade de nossos projetos resultando em boas vendas, o que estimula ainda mais o lançamento de novos empreendimentos”, finaliza Alain. 

Black November: AoCubo oferece descontos de mais de 25% em imóveis na capital paulista

São Paulo, novembro de 2021- AoCubo , startup do segmento imobiliário que conecta, por meio de Inteligência Artificial, corretores e compradores qualificados de imóveis, realiza, entre os dias 17 e 30/11, sua Black November. Neste período, a proptech vai disponibilizar imóveis novos, populares, de médio e alto padrão com até 25% de desconto.

Localizadas em diferentes regiões da cidade de São Paulo – SP, as propriedades têm preços que variam entre R﹩ 170 mil e R﹩ 3 milhões. Os interessados poderão acessar as ofertas para receber mais informações ou agendar visitas por meio de uma landing page criada exclusivamente para o período . Já os corretores serão direcionados para uma página específica voltada a eles .

De acordo com Ronnie Sang, CEO do AoCubo, o período é de boas oportunidades.”Com os descontos oferecidos na Black November, o cenário fica muito propício para quem quer investir em um imóvel de marcas renomadas e assim, seja para trocar de casa, sair do aluguel ou como investimento. A nossa expectativa é que esta iniciativa signifique um incremento importante no trimestre”, diz.

Mesmo diante das restrições causadas pelo coronavírus, o mercado imobiliário foi um dos setores que mais cresceu na pandemia. Segundo dados levantados pelo Secovi-SP, o segmento registrou um aumento de lançamentos e recorde de vendas nos primeiros semestres de 2020 e 2021.

20ª edição do Conami discute retomada econômica e futuro do setor imobiliário

A retomada da atividade econômica e o futuro do setor de imóveis no Brasil serão discutidos no Congresso Nacional de Mercado Imobiliário (Conami) promovido pela Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo (AABIC) de 21 a 23 de novembro, no Sheraton WTC Hotel, na capital paulista. Jornalistas que desejarem cobrir o evento, devem fazer contato com a Agência Blue Chip, para credenciamento.

A cerimônia de abertura, marcada para o próximo dia 21 de novembro, a partir das 19h30, será conduzida pelo presidente da AABIC, José Roberto Graiche Júnior, e contará com a participação do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, na palestra magna Direito Imobiliário e Economia – Uma perspectiva da análise econômica do direito.

O evento está chegando a sua 20ª edição com uma programação especial. Além do ministro Luiz Fux, também estarão entre os palestrantes o economista Sammy Dana, que falará de cenário econômico atual e seus impactos no mercado imobiliário, a Deputada Estadual Célia Leão, que compartilhará informações sobre inovações na acessibilidade de condomínios, o advogado e economista Renato Opice Blum, e o jurista e diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez, que falarão da implantação da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) e seus reflexos no setor.

Também participarão do Conami 2021 o empresário Juarez Gustavo Soares, presidente do Secovi-ES, 24º brasileiro a atingir o cume do Monte Everest, que discutirá os desafios do mundo corporativo, a empresária e ativista Luíza Brunet, e a promotora de Justiça Gabriela Manssur, que falarão do impacto da violência doméstica nos condomínios, entre outros especialistas.

De acordo com Graiche o Conami acontece em um momento estratégico. “O evento oferece uma oportunidade ímpar de analisar as mudanças de hábitos dos brasileiros e as transformações dos negócios após quase dois anos de pandemia da Covid-19, e traz as tendências para o próximo ano. Sem dúvida, iremos proporcionar muita troca de informações e networking”, destaca.

O Conami é um dos mais tradicionais encontros do mercado imobiliário, reúne empresários, profissionais de direito, de administração condominial e imobiliária, prestadores de serviços e especialistas do setor. A expectativa dos organizadores é receber cerca de 700 pessoas nos três dias de evento. Confira a programação completa no site oficial:  www.conami2021saopaulo.com.br.

 20º Conami

Data: 21 a 23 de novembro de 2021

Horários:

18h30 às 21h30 – 21/11

8h30 às 18h30 – 22/11

8h30 às 20h – 23/11

Local: São Paulo – World Trade Center – Sheraton WTC Hotel

Geração Z: O que esse público espera do corretor de imóveis?

Luiz Cervi, CEO da EEmovel, plataforma de inteligência imobiliária

A competição entre millennials e a geração Z, que aconteceu, recentemente, nas redes sociais, foi divertida, mas também serviu para nos chamar a atenção para algo que as pessoas mais velhas evitam encarar: os nascidos a partir de 1995 já são adultos. Fazem parte da geração Z, quem nasceu entre 1995 e 2010, logo, muitos desses indivíduos já têm poder de compra e de tomada de decisões. Os que estão na faixa dos 20 e poucos anos, inclusive, estão chegando na fase de sair da casa dos pais, seja pagando aluguel ou adquirindo o primeiro imóvel.

Se por um lado, essa geração é muito mais aberta a novas experiências, por outro, é também muito mais crítica, em relação a gerações anteriores. No geral, esses jovens são pragmáticos, não se sujeitam a rótulos e são, extremamente, comunicativos, mas também são pouco tolerantes à frustração.

Tomar a decisão de morar sozinho, dividir o aluguel com amigos ou comprar o primeiro imóvel, é um passo gigantesco na vida de qualquer pessoa e sabemos que o corretor tem um papel fundamental em todo esse processo. Existem alguns cuidados específicos que este profissional pode ter, para ter sucesso atendendo seus clientes da geração Z.

A primeira coisa que você, corretor de imóveis, deve se atentar é que esse público nasceu em um ambiente hiperconectado e espera que você use ferramentas tecnológicas para oferecer-lhes o que há de mais moderno. Inclusive, quando chegarem até você, essas pessoas já terão pesquisado tudo o que podem e estarão fortemente munidos de informações a respeito do que querem. É importante se manter atualizado e contar com a tecnologia a seu favor. 

Outra coisa muitíssimo importante é o tratamento pessoal que terá com esses clientes. Num contexto geral, essa geração defende a quebra de estereótipos e definições de gênero, por exemplo. Mais do que nunca, não deixe transparecer preconceitos e opiniões pessoais.

Como já mencionei, a dificuldade em lidar com a frustração é um traço negativo desse grupo. Sabemos que a busca pelo imóvel ideal pode gerar muita frustração durante o processo. Neste caso, o corretor tem um papel super importante para auxiliar seu cliente a lidar com este sentimento. Por serem muito imediatistas, esperam que as coisas aconteçam, na vida real, na mesma velocidade que no digital. Para driblar este desafio, o corretor pode usar alguns recursos, como contar casos de clientes com perfis parecidos, que tiveram sucesso em suas buscas, não deixar o cliente esperando um retorno por muito tempo, ou seja, fazer-se sempre presente, seja por uma ligação ou uma simples mensagem para acalmá-lo, sempre deixando claro que a espera faz parte desse grande passo.

Pequenas mudanças podem fazer toda a diferença para seu cliente. O corretor não pode esquecer que seu trabalho faz parte do sonho das pessoas e que, cada uma tem personalidades e objetivos específicos.

CrediHome abordará opções de crédito no mercado imobiliário para a CONAMI 2021

Entre os dias 21 e 23 de novembro, a CrediHome – principal plataforma de crédito imobiliário do país -, vai apoiar o evento CONAMI (Congresso Nacional de Mercado Imobiliário). Para o congresso, a fintech vai apresentar opções de crédito imobiliário disponíveis no seu portfólio, que inclui o financiamento imobiliário e o crédito com garantia imobiliária. O evento é voltado ao mercado imobiliário e terá sua primeira edição presencial, desde o início da pandemia, na capital paulista.

Pela segunda vez, a CrediHome apoia a realização do congresso por acreditar na importância de se trazer referências do mercado para discutir temas pertinentes em relação ao futuro do setor imobiliário do país. “Eventos como este só fortalecem o setor e permitem a troca de experiências entre profissionais do mercado, como corretores de imóveis, administradores de condomínios e também das empresas que atuam na área. Desta forma, achamos essencial a CrediHome estar presente com seu apoio”, afirma Bruno Gama, CEO da fintech.

Além da CrediHome, o CONAMI 2021 conta com o apoio de outras empresas privadas e  também e também de associações do setor, como o Secovi, Federação Internacional Imobiliária (Fiabci),  Câmara Brasileira de Comércio e Serviços Imobiliários (CBCSI) e Associação Brasileira das Administradoras de Imóveis (ABADI). 

Entre os palestrantes, o CONAMI contará com Luiz Fux, Ministro e Presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça, que vai falar sobre Direito Imobiliário e Economia. Participam também o economista Samy Dana, Gabriela Manssur, promotora de justiça, e a atriz Luiza Brunet, que juntas vão falar sobre o impacto da violência doméstica nos condomínios.

Para conferir a programação completa dos painéis e palestrantes convidados, é preciso acessar o site do evento. As inscrições online já encerraram, mas poderão ser realizadas no local do congresso no dia 21 de novembro, a partir das 16h.

CONAMI 2021
Data: 21 a 23 de novembro de 2021

Local: WTC – World Trade Center – Sheraton São Paulo WTC Hotel – Av. Nações Unidas, 12.559 – Brooklin Novo – São Paulo – SP

Inscrições: https://www.conami2021saopaulo.com.br/site/conami2020/inscricoes 

Gramado e Canela recebem investimento de R$ 90 milhões em complexo residencial e novo bairro planejado

Ao completar 60 anos de atividades, o Joal Teitelbaum Escritório de Engenharia prepara o lançamento de dois empreendimentos imobiliários na Serra Gaúcha para os próximos anos. Para a cidade de Canela está previsto um complexo residencial de apartamentos com operação de gastronomia no andar térreo. O empreendimento está em fase de licenciamento e será lançado em 2022. A previsão de investimento é de R$ 50 milhões. Já Gramado deve ganhar um novo bairro planejado com master plan do Arquiteto Jaime Lerner, falecido em 2021 e referência mundial em Novo Urbanismo, em uma área de 23 hectares muito próxima ao centro da cidade. Desse total 17 hectares serão preservados e a construção acontecerá apenas em seis. Com aporte de R$ 40 milhões, o projeto deve ficar para 2023

. “Este empreendimento virá para mudar a forma de se viver, trabalhar e se divertir em Gramado. Vamos colocar todo nosso expertise em prática para deixar nosso legado também na serra gaúcha, projeto este que será coroado com sendo um dos últimos a contar com a participação do arquiteto Jaime Lerner como principal líder do seu Escritório”, complementa Claudio Teitelbaum.

Ações sociais para celebrar

Para comemorar as seis décadas de trabalho, a empresa planeja diversas ações sociais a serem realizadas ao longo do ano de comemoração. Uma forma de dar como retorno à sociedade todo trabalho conquistado, além de ter como filosofia empresarial investir em ações beneficentes. Entre as principais iniciativas estão a instalação de placas fotovoltaicas no Lar da Criança Anne Frank, contribuindo para a sustentabilidade e a economia do espaço fundado em 1982 com o propósito de dar educação e assistência social às crianças da Vila Jardim Universitário, em Viamão. Também será realizada doação de materiais escolares em Pelotas, onde a empresa construiu um dos primeiros bairros planejados do Rio Grande do Sul, o Bairro Quartier Pelotas, empreendimento que ocupa 30 hectares e que tem máster plan do escritório Jaime Lerner Arquitetos Associados. Para o Natal serão realizadas mais ações beneficentes, além de outras que estão planejadas para 2022.

Idealizada pelo engenheiro Joal Teitelbaum em 24 de outubro de 1961, atualmente a empresa é dirigida pelos seus três filhos, Jader, Cláudio e Flávio. Entre os trabalhos de destaque estão o desenvolvimento dos primeiros Green Buildings residenciais no Rio Grande do Sul, ainda em 2010, mesma época em que gerenciou as obras do edifício-sede do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Além disso, a Joal foi responsável pelo gerenciamento global da construção do Campus Unisinos Porto Alegre, da nova escola infantil do Colégio Anchieta e prestou uma série de serviços para Petrobrás, na Bacia de Campos, nas áreas de modelagem de processos de construção e montagem, redesenho de processos, engenharia de valor e gestão de práticas sustentáveis e meio ambiente, saúde e segurança. Também possui em seu portfólio clientes como o Banrisul, Sebrae, AMPRS, AF Global, Walmart e Braskem.