PIB da construção civil se destaca no segundo trimestre

PIB da construção civil se destaca no segundo trimestre

Presidente do Sinduscon-MG avalia o desempenho do setor em Minas Gerais

O Produto Interno Bruto (PIB) da construção civil no país registrou crescimento de 2,7% no segundo trimestre de 2021 em relação aos três primeiros meses do ano. Nesse período, a economia nacional apresentou relativa estabilidade (queda de -0,1%). Os resultados foram divulgados hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Para o presidente do Sinduscon-MG, Renato Michel, esse resultado pode ser explicado por alguns fatores. “A taxa de juros ainda em patamar mais baixo, o incremento do crédito imobiliário e o novo significado que as famílias deram para a casa própria, diante da pandemia, são alguns dos motivos que estão contribuindo para os resultados positivos do setor.”

Além disso, ele ressalta que, “desde o início da pandemia, o segmento não parou”. “Continuamos produzindo e gerando emprego e renda para o país, mesmo com todas as dificuldades que enfrentamos, como o forte aumento no preço dos insumos. Temos que destacar a importância de Minas Gerais para os resultados positivos da construção nacional. Nos primeiros sete meses do ano, a ‘construção mineira’ registrou o segundo melhor resultado no mercado de trabalho no Brasil.”

Conforme dados do Novo Caged, divulgados pelo Ministério do Trabalho, foram gerados, no estado, 36.137 novos postos de trabalho com carteira assinada na construção. O resultado é inferior somente a São Paulo, que, no mesmo período, contabilizou 54.259 novas vagas. No primeiro semestre de 2021, a construção cresceu 5,8% em relação a igual período do ano anterior.

Comments are closed