LelloLab, o laboratório de inovação da vida em comum, lança aceleradora de projetos

LelloLab, o laboratório de inovação da vida em comum, lança aceleradora de projetos

O LelloLab, o laboratório de inovação da vida em comum criado pela Lello, lançou uma aceleradora de projetos e ideias inovadoras. A iniciativa pretende ajudar empreendedores, pesquisadores e empresas em todos os estágios de maturidade, além de startups e até projetos de garagem (iniciativas que ainda estão no papel) por meio de mentorias, aproximação com investidores e a oportunidade dos projetos crescerem por meio do ecossistema de mais de 3 mil condomínios e 8 mil imóveis do Grupo Lello.

Poderão se inscrever no programa de aceleração, projetos que tenham seu negócio voltado para sustentabilidade, responsabilidade, práticas urbanas regenerativas e vida em comum nas cidades, ou seja, iniciativas focadas em soluções de energia limpa, agricultura sustentável e plantio urbano, mobilidade e logística urbana, saneamento, convívio comunitário, entre outras vertentes. Os processos de aceleração terão duração de 3 a 6 meses e as inscrições ficarão abertas até dia 30 de julho.

“Nosso objetivo com a aceleradora do LelloLab é impulsionar pessoas criativas, inovadoras, que desejam melhorar a vida em comunidade, e ainda estão iniciando seu projeto, ou nem mesmo começaram. O fomento a essas iniciativas está alinhado com um dos pilares e valores fundamentais do LelloLab: a sustentabilidade. Queremos que esses projetos possam transformar a vida das pessoas nas cidades, por meio de práticas urbanas sustentáveis e regenerativas”, comenta Filipe Cassapo, diretor do LelloLab.

As inscrições podem ser realizadas por meio do site do LelloLab e as etapas consistem em primeiro, o preenchimento do formulário detalhando a iniciativa e seu propósito, seguido pelo envio de um vídeo-pitch e, por último, uma entrevista com o time da Lello, do LelloLab e da Comunidade ligada as cidades sustentáveis inteligentes. Todo o processo de aceleração fornecido não terá custo algum para os projetos selecionados. Caso as iniciativas venham a ter lucro depois de aceleradas, com o objetivo de manter e ampliar o alcance do laboratório a novas pessoas, o LelloLab ficará com 1,5% das receitas geradas por um período de 03 a 06 meses, considerando um teto de até R﹩ 200 mil.

Comments are closed