Proptech Up Estate inaugura rodada de R$ 3 milhões com aporte do BR Angels

Proptech Up Estate inaugura rodada de R$ 3 milhões com aporte do BR Angels

Criada para levar inovação às imobiliárias e desburocratizar o aluguel para inquilinos, a proptech Up Estate acaba de receber um aporte de R$ 1,5 milhão da associação de investimento-anjo BR Angels. O grupo lidera uma rodada ainda em curso de R$ 3 milhões. 

O capital será destinado para a otimização da tecnologia, que abrange desde a análise de crédito até a gestão de cobranças, reduzindo assim o tempo para a locação dos imóveis. Fundada em 2017, em Minas Gerais, a Up Estate já expandiu sua presença para 10 estados brasileiros – onde conta com imobiliárias parceiras – e pretende atingir a marca de R$ 1 bilhão de ativos sob gestão até o final deste ano.

De acordo com o fundador e CEO da startup, Matheus Penna Santos, o aporte financeiro chega em um momento importante para o negócio, mas o principal ativo é o capital intelectual do investidor. 

“Nós atingimos o break even e estamos em ritmo acelerado de crescimento. Com o aprimoramento da nossa tecnologia, vamos lançar novas soluções para as imobiliárias, sempre com o objetivo de ajudá-las a melhorarem o processo de gestão e os serviços prestados junto aos inquilinos e proprietários. Para auxiliar nessa jornada, buscamos o BR Angels, que bem mais que dinheiro, sabemos que emprega a expertise dos investidores para o sucesso do negócio. E eles podem esperar uma gestão eficiente dos recursos e dedicação total dos sócios e colaboradores da Up Estate, pois todos estão muito alinhados com a missão de transformar o mercado imobiliário”, diz Penna Santos.

Para Orlando Cintra, fundador e CEO do BR Angels, que reúne um time de mais de 250 executivos de alto escalão e empreendedores de importantes empresas, a combinação de inovação para o mercado imobiliário com excelência no atendimento é promissora.

“Sabemos que o setor imobiliário sofre com processos engessados e falta de sincronia entre todas as partes envolvidas. O forte propósito da Up Estate de mudar esse cenário foi o que chamou a nossa atenção, assim como os resultados nesses cinco anos de atuação. Acreditamos que também podemos somar muito com o nosso Smart Money, já que a startup terá mais de 250 associados, todos profissionais de destaque em áreas como tecnologia, vendas, marketing, entre outras, para consultar, fazer network e eventualmente ter as portas abertas com futuros clientes, parceiros e demais stakeholders”, afirma Cintra.

Modernização de um mercado tradicional

No período pré-pandemia, os imóveis alugados representavam 18% das moradias no Brasil, de acordo com a última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua – IBGE). De lá pra cá, o setor continuou se desenvolvendo e teve, inclusive, um salto no número de imobiliárias, que foi de 47 mil para 56 mil, segundo o Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci). Atenta a esse crescimento e à necessidade de digitalização dos negócios, a Up Estate oferece uma solução completa que beneficia todos os lados da operação: imobiliárias, proprietários e inquilinos. 

Com tecnologia exclusiva, a startup disponibiliza um sistema de locação gratuito com análise cadastral, confecção de contratos e aditivos, assinatura eletrônica de documentos, emissão e envio de boletos, como também eventuais cobranças extrajudiciais, judiciais e ações de despejo. As imobiliárias ainda contam com uma equipe financeira sem custos fixos, que permite que foquem no atendimento aos clientes. Já os proprietários dos imóveis têm a garantia do recebimento regular do aluguel durante todo o contrato, mas sem abrir mão do atendimento humano personalizado. Por fim, os inquilinos podem alugar com análise de crédito em 30 segundos, sem necessidade de fiador, caução ou cartão de crédito.

“Nós acreditamos que as imobiliárias continuarão tendo um papel relevante no mercado por muitos anos. Isso porque, ao contrário do que muitos outros negócios do setor pregam, enxergamos que a tecnologia não vai substituir os corretores, mas que os profissionais, munidos com tecnologia de excelência, estarão preparados para o futuro. Nosso objetivo é fortalecer todos os lados dessa relação e, como consequência, fortalecer o mercado em si”, finaliza o co-fundador e Coordenador de Expansão da startup, Roney Guimarães.

Comments are closed