Tag Archive condomínios

Portaria Compartilhada une tecnologia, eficiência e redução de custos

Seria possível morar em um condomínio seguro, recheado com o melhor da tecnologia disponível? Essa é a proposta do novo conceito chamado Portaria Compartilhada. Ao contrário dos sistemas mais conhecidos, como Virtuais, Remotas ou Inteligentes, o sistema não deixa somente a tecnologia como instrumento único, mas insere os moradores no contexto. Em síntese, ela possibilita, além do monitoramento tecnológico, a possibilidade de os moradores acompanharem todos passos das áreas comuns.

Dados da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo apontam um aumento de 56% para os furtos e roubos em condomínios, entre 2017 e 2018. Os números colocam em cheque o modelo de segurança do setor, formado por porteiros contratados ou apenas pela intermediação com call centers externos de monitoramento. 

De acordo com Antônio Marcos de Souza, especialista em segurança privada da AMS – Sistemas Integrados de Segurança, que estudou o sistema a fundo, a Portaria Compartilhada é totalmente diferente e ideal para prédios com até 50 apartamentos. “Quando o visitante toca o interfone, o morador já controla a entrada com um monitor preciso e pode já liberar a entrada na eclusa, acompanhando todos os passos do trajeto. As câmeras captam o visitante já na calçada, área comum e no elevador. Registrando todo o processo”, destaca. 

Souza destaca que, diferentemente das antigas portarias virtuais, que geram muitas reclamações de demora do acesso do visitante, os moradores têm o controle das imagens e do acesso, sempre com a retaguarda da equipe de monitoramento. “O condomínio que conta com a Portaria Compartilhada possui botões de pânico espalhados em vários locais. O sistema já aciona o monitoramento 24h que comunica imediatamente a Polícia, enviando viaturas ao local”, acrescenta o especialista da AMS.

Tecnologia

O sistema aceita entrada com QR Code, impressão digital, chave eletrônica e leitura facial. Tudo pode ser customizado de acordo com as necessidades do cliente. As imagens de acompanhamento de entradas e saídas são armazenadas em nuvem por 7 dias na plataforma da Amazon, a mais segura do mundo. “A Portaria Compartilhada torna os condôminos agentes ativos do sistema de segurança, reduzindo em até 90% os custos. É anti hacker e conta com demonstração prática das funcionalidades em reuniões de condomínio”, conclui Marcos.

Tags, , ,

Conexão SíndicoNet 2019 discutiu o futuro do setor condominial

Mais

Mais de 500 pessoas de todo o país, entre síndicos, representantes de administradoras de prédios e empresas que oferecem soluções modernas para condomínios, reuniram-se, em São Paulo, na segunda edição do Conexão SíndicoNet. O evento, viabilizado por uma parceria entre o portal SíndicoNet e a empresa MinhaPortaria.com, promove a integração e troca de experiências entre profissionais do ramo condominial, além de oferecer palestras, mentorias e apresentar as mais novas tecnologias desenvolvidas para o setor.

Segundo Júlio Paim, CEO do SíndicoNET, cerca de 25 mil visitantes acessam o portal diariamente e consomem os conteúdos disponibilizados, como informativos, plataforma de votação e cursos online. Para ele, os dados mostram a força que a comunidade tem e a vontade de se manter informada para conseguir enfrentar um mercado bastante adverso e garantir qualidade de vida dos moradores condomínios.

Ao todo, 30 palestrantes se apresentaram durante o evento e abordaram alguns dos maiores desafios atuais do setor, como a busca pelo equilíbrio entre o ecossistema condominial e os avanços tecnológicos, meios de melhorar a comunicação e o relacionamento entre as pessoas, soluções para inadimplência e planejamento orçamentário, além de questões jurídicas como brigas entre moradores e o que fazer em caso de violência doméstica.

A psicóloga e síndica Jailma Araújo, que participava do Conexão SíndicoNet pela primeira vez, afirmou ser uma dessas profissionais da área que procuram sempre estar atualizadas. De acordo com Jailma, um dos maiores desafios da vida em condomínio é a falta de conhecimento e a persistência de hábitos antigos: “eu sinto falta de inovação, de um plano mais visionário”.

Ela também acredita que quando o assunto é melhorias no condomínio, deve-se priorizar a comodidade dos moradores e, principalmente, a segurança. “Eventos como este são ótimos, porque oferecem muitas opções nesse sentido”, contou Jailma.

Diversas empresas participantes também montaram stands para expor seus serviços e soluções, como sistemas de pagamento modernos, segurança treinada e armada, auxílio com terceirização de funcionários e mecanismos eletrônicos que aumentam a segurança dos condomínios.

Segundo Walter Uvo, especialista em tecnologia da MinhaPortaria.com, patrocinadora do Conexão SíndicoNet 2019, o evento é um grande acontecimento para quem trabalha no setor: “Não existe outro evento deste porte para o mercado condominial. Aqui tem muita informação e gente do Brasil inteiro interagindo”, afirmou.

Tags, , ,

Cinco maneiras de evitar assaltos em condomínios

Por Amilton Saraiva, especialista em segurança da GS Terceirização

Há criminosos de todos os tipos e perfis, prontos para fazer uma tentativa de assalto a um condomínio. Alguns são pratos cheios para eles, com acessos fáceis, poucos cuidados ou segurança especializada insuficiente. A maior chance de um assalto acontecer é por erro do próprio ser humano — seja o porteiro ou o próprio morador — que, desatento, acaba dando a primeira oportunidade para ser abordado pelo bandido.

O especialista em segurança da GS Terceirização, Amilton Saraiva, ensina maneiras de como evitar esse tipo de situação nos condomínios e que devem ser seguidas à risca, diariamente, como prevenção, e também o que se deve fazer em cada situação. Confira:


Garagem e portaria

Os moradores podem ser abordados quando entram no condomínio, seja pela garagem ou pela portaria de pedestres. O mais indicado é ter muita atenção quando chegar, verificar a movimentação, observar se tem algum carro suspeito parado e se tiver qualquer dúvida, ligar para a portaria para que eles acompanhem a sua entrada de forma segura. Evite falar ou mexer no celular.

Prestadores de serviços

É importante que os moradores deixem avisados o zelador e o porteiro, e que também deixem uma autorização com alguém no caso de alguma pessoa ou empregado precisar entrar no seu apartamento se estiver ausente. Por mais que se confie em funcionários da residência, por exemplo, eles podem, inocentemente, passar alguma informação para alguém de fora, e qualquer movimentação estranha ou suspeita deve ser imediatamente reportada. Para prevenir a entrada indesejada de mal-intencionados, pode-se instalar um sistema de segurança 24h, com alarmes e circuito interno de câmeras.

Prevenção de assaltos

É recomendável que os condomínios contratem empresas terceirizadas que sejam confiáveis, pois elas oferecem um treinamento especializado de atendimento, discrição e segurança preventiva. A empresa, profissional e especializada, realiza contratações após verificar o histórico profissional e pessoal do porteiro e também investiga possíveis antecedentes criminais, sua conduta e indicações. Quando contratados diretamente pelo condomínio, geralmente a admissão não dispõe de todos esses recursos, aumentando o risco de maus profissionais adentrarem em um ambiente onde a segurança deveria ser prezada e mantida.

Criminosos armados

As regras de segurança estão sempre pautadas por algumas vertentes principais, sendo a primeira a prevenção para que não aconteçam ações criminosas e tentar evitar os riscos ao máximo. Quando acontece algum delito, com ou sem arma, a pessoa não deve reagir, ser o mais calma possível e não tentar nenhuma atitude isolada. O melhor é deixar acontecer, manter os ladrões tranquilos e depois resolver com a polícia. Nunca reaja! O mesmo vale para o funcionário, que não deve ser super-herói, prezando pela segurança dos moradores. Outra questão é que todo sistema de segurança possui um alerta que permite que outros funcionários chamem a polícia.

Método seguro de acionamento de portões

Sim, é possível clonar alguns controles! O único que não é clonável é o Linear. O melhor método é que se faça uma eclusa onde haja um intertravamento. Ou seja, só é possível abrir uma porta quando a outra estiver fechada. Isso por si só já causa um temor porque ninguém gosta de ficar preso entre portões.

Tags, , , ,

Condomínios e a importância dos equipamentos

Quando o condomínio busca redução de custos, ele também precisa garantir que no meio disso esteja adquirindo os melhores serviços, desde a sua infraestrutura, portaria e até mesmo nos equipamentos que compõem a segurança. Todos sabem como é primordial ter, nos dias atuais, um aparelho moderno e de baixo risco no que diz respeito às quedas de energia ou eventuais problemas. Por isso é importante estar antenado nas últimas tecnologias e não focar apenas no “menor preço”.

Avaliando as necessidades dos condomínios, há um novo equipamento chegando para atender às mais diferentes demandas. O novo painel que fará todo o controle para a portaria remota da MinhaPortaria.com é resultado de um novo estudo que economiza tempo e traz praticidade ao condomínio. Hoje, os painéis são grandes e requerem a contratação de técnicos especializados para a instalação, mas agora o cenário será bem diferente. “Trabalhamos com um novo conceito, que é entregar o equipamento pronto e montado, e qualquer eletricista vai poder fazer a instalação. Outro diferencial é que ele não trabalha com corrente alternada, mas sim com corrente contínua, evitando problemas de curtos e choques”, afirma o engenheiro da Norte Energia, Humberto Ribeiro.

Outro equipamento que é novidade e já está disponível no mercado é o Remote, da Intelbras. Ele é como uma peça de um quebra-cabeças, interligando os sistemas, possibilitando total controle de automoção, acionamento de cargas, leituras de sensor, controle de portas e acesso, comunicação etc. “Foram mais de dois anos de desenvolvimento de pesquisa para trazer uma solução simples e de fácil operação, que ao mesmo tempo está alinhada à questão da qualidade e da resistência do aparelho — em nosso laboratório é o que chamamos de ‘surtos de sinais’; simulamos, por exemplo, um raio caindo no equipamento”, conta Emerson Sodério, Gerente de Produtos e Negócios da Intelbras.

Já o presidente da PPA, Flávio Peres, afirma que nenhuma tecnologia é perfeita, mas que certamente há as mais confiáveis e de maior qualidade, além da praticidade e da rapidez para trocas quando necessário. A PPA, também parceira da MinhaPortaria.com, é fabricante de automatizadores de portões para garagem e entrada de pedestres que abrem em quatro segundos por questões de comodidade e segurança. “A margem para erros deve ser pequena e o produto deve garantir uma repetitividade. Hoje o meu motor é intercambiável, isso quer dizer que você pode ter adquirido um modelo do ano passado, e no ano que vem, para estar atualizado, basta apenas mudar a parte eletrônica”, diz.

“Quando falamos em portaria remota, em como fazer um condomínio entender o tamanho das vantagens que ele terá, não se deve falar em preço, mas sim em segurança e a garantia de se ter um sistema integrado funcionando sem grandes problemas. Para mim, que sou prestador, não é vantajoso que um aparelho apresente defeito, pois ter que enviar um técnico me custa muito caro, então sempre prezamos pela qualidade dos equipamentos”, conta Walter Uvo, especialista em tecnologia da MinhaPortaria.com.

Tags, ,