Startup do setor imobiliário Kenlo fecha o primeiro trimestre com R﹩ 20,3 milhões originados em empréstimos home equity

Startup do setor imobiliário Kenlo fecha o primeiro trimestre com R﹩ 20,3 milhões originados em empréstimos home equity

maio 18, 2021 Comentários desativados em Startup do setor imobiliário Kenlo fecha o primeiro trimestre com R﹩ 20,3 milhões originados em empréstimos home equity By admin

A plataforma Kenlo acaba de fechar o balanço trimestral das operações de home equity originadas no primeiro trimestre, por meio das imobiliárias e corretores de imóveis parceiros. Do fundo de R﹩ 400 milhões destinados para empréstimos durante o ano de 2021, criado em parceria com a Jive Investments, foram concedidos R﹩ 20,3 milhões em créditos nos primeiros três meses do ano. Essa modalidade de transação financeira é uma das soluções oferecidas a fim de propiciar um novo modelo de negócio para corretores e imobiliárias, para que tenham mais opções de atuação, além da compra, venda e locação de imóveis. A empresa espera fechar o ano com um total de R﹩ 120 milhões em empréstimos concedidos.

A Kenlo é uma spin off da proptech inGaia e está presente em 26 estados da federação, por meio de das 7,5 mil imobiliárias e 44 corretores parceiros da proptech, que juntos mantêm oito milhões de clientes, dos quais três milhões são proprietários. “A parceria com a Jive vem dando muito certo e os números comprovam isso. Montamos um time de 80 pessoas, que atuam com as operações home equity e com a criação de novos produtos aliados à tecnologia, explorando parcerias estratégicas com outras fintechs e proptechs disruptivas dentro do mercado “, explica Mickaël Israël Malka, CEO da Kenlo.

O fundo tem capacidade de execução de até 500 contratos por mês. O home equity oferecido pela Kenlo conta com uma experiência 100% digital, incluindo o processo de reconhecimento de firma e cartório. “O impacto na economia pela pandemia deixou muitas pessoas sem acesso a crédito. O principal benefício para o mercado é conectar, no momento certo, com processos 100% digitais, o crédito ao proprietário, trazendo liquidez imediata. Tudo isso só é possível por meio do uso de big data, inteligência artificial e com o apoio fundamental das imobiliárias e corretores”, acrescenta Mickaël.

A solução, permite moldar um plano adequado à realidade econômica de cada cliente, com o objetivo de atender a todos, incluindo os brasileiros que começaram o ano de 2021 com alguma dívida ou restrição no CPF.

Comments are closed