Preço dos imóveis sobe 0,9% em outubro no Rio de Janeiro

Preço dos imóveis sobe 0,9% em outubro no Rio de Janeiro

Para comprar um imóvel padrão no Rio de Janeiro (65m², 2 dormitórios e 1 vaga de garagem) é preciso pagar, em média, R$ 502.450. Essa é uma das conclusões do relatório produzido pelo Imovelweb, um dos maiores portais imobiliários do País, que analisou os preços dos imóveis na capital fluminense em outubro de 2020. De acordo com o levantamento, o valor médio do metro quadrado na cidade ficou em R$ 7.734, valor 0,9% maior do que o registrado no mês de setembro.

Em 2020, o preço dos imóveis no Rio de Janeiro registrou um pequeno aumento de 0,3%. Nos últimos 12 meses, o crescimento foi de 1%. Nesse mesmo período, os bairros que mais se valorizaram foram Gamboa (R$ 4.588/m²), com acréscimo de 14,1%; Santo Cristo (R$ 8.666/m²), que subiu 14%; e Santa Cruz (R$ 3.322/m²), com aumento de 13,6%.
Por outro lado, as maiores desvalorizações foram registradas em Padre Miguel (R$ 2.737/m²), Vigário Geral (R$ 2.737/m²) e Pedra de Guaratiba (R$ 2.354/m²), com queda de 14,9%, 14,2% e 11,1%.

Confira os valores onde o metro quadrado custa mais barato e mais caro no Rio de Janeiro:


Mais baratos (m²)
Variação mensalVariação Anual
Pavuna (Zona Norte)R$ 1.914-4,7%-2,4%
Coelho Neto (Zona Norte)R$ 2.2851%-1,8%
Senador Vasconcelos (Zona Norte)R$ 2.3211,9%-5,4%
Mais caros (m²)Variação mensalVariação Anual
Lagoa (Zona Sul)R$ 16.0110%2,5%
Ipanema (Zona Sul)R$ 19.5060,2%4,0%
Leblon (Zona Sul)R$ 21.5100,3%1,9%

Aluguéis seguem em queda

No mês de outubro, o preço médio dos aluguéis no Rio de Janeiro registrou, novamente, uma pequena queda. Segundo dados do Imovelweb, o preço médio do aluguel mensal de um apartamento padrão foi R$ 1.782, valor 0,8% menor se comparado a abril. Apesar disso, o saldo é positivo em 2020, com um acréscimo de 3% no valor dos aluguéis. Nos últimos 12 meses, o crescimento foi de 2,6%.

Comparando o período de outubro de 2019 e outubro de 2020, os locais que registraram maior queda no preço dos aluguéis foram Santo Cristo (-20%), Lapa             (-18,6%) e Senador Vasconcelos (-14%). Para locar um imóvel nesses bairros é preciso de R$ 1.887, R$ 2.156 e R$ 803 por mês, respectivamente.

Vila da Penha (R$ 1.362/mês), Catete (R$ 2.432/mês) e Grajaú (R$ 1.386) foram os bairros onde o preço do aluguel mais cresceu nos últimos 12 meses, com um incremento de 17,1%, 16,4 e 14,3%.

Veja os bairros com os aluguéis mais baratos e mais caros do Rio de Janeiro:

Mais baratos (mensal)Variação mensalVariação Anual
Senador Vasconcelos (Zona Oeste)R$ 8032,3%-14%
Bangu (Grande Bangu)R$ 970-0,3%1,9%
Cascadura (Zona Norte)R$ 987-0,4%-10,2%
Mais caros (mensal)Variação mensalVariação Anual
Urca (Zona Sul)R$ 2.716-4,3%-3,6%
Ipanema (Zona Sul)R$ 3.6250,1%4,5%
Leblon (Zona Sul)R$ 3.937-1,1%6,5%

Rentabilidade

O índice de rentabilidade imobiliária do Imovelweb relaciona o preço de venda e valor de locação do imóvel para verificar o tempo necessário para recuperar o dinheiro utilizado na aquisição do imóvel. No relatório de outubro, o índice foi de 4,5% bruto anual, o que significa que são necessários 22,5 anos para recuperar o valor investido na compra de um imóvel, tempo 4,7% menor que há um ano.

O índice mostra que os melhores bairros do Rio de Janeiro para investidores que buscam renda são Senador Vasconcelos (6,4%), Madureira (6,2%) e Higienópolis (6,1%). Por outro lado, os menos rentáveis são Lagoa (3%), Gávea (3,1%) e Jardim Botânico (3,3%).

Comments are closed