KPMG destaca tendências e desafios para o setor imobiliário frente ao cenário de pandemia

KPMG destaca tendências e desafios para o setor imobiliário frente ao cenário de pandemia

Uma pesquisa realizada pela KPMG faz um raio-x do atual cenário para o setor imobiliário frente à pandemia causada pela Covid-19. O documento aponta as principais tendências e desafios do segmento e ainda mostra os caminhos para a retomada das imobiliárias como queda na liquidez, modelo de negócio e relação com o cliente. 

“O setor imobiliário será amplamente afetado nos próximos meses, seja pelas decisões governamentais que limitam a circulação das pessoas ou por hábitos que, nesse momento, estejam sendo revistos e adaptados. Nesse contexto, os consumidores desejam entregas de serviços e produtos que se adequem ao seu novo estilo de vida, e novos modelos imobiliários baseados em tecnologia ajudam a integrar clientes e empresas. Diversas soluções já são realidade: visitas em realidade virtual, casas inteligentes, transações online de imóveis, e até mesmo gestão de reforma online, dentre outros”, pondera o sócio da KPMG, Eduardo Tomazelli. 

Desafios para o setor imobiliário:
– Necessidade de captação de recursos de curto e longo prazos. 
– Gestão de liquidez e crédito, em especial para estruturas com investimentos em shoppings e estabelecimentos comerciais. 
– Distratos. 
– Venda de unidades em estoque / em construção. 

Tendências para o setor imobiliário:
– Reestruturação de capital. 
– Consolidação – Fusões e Aquisições. 
– Distribuição digital. 
– Ampliação / Reconfiguração do modelo de negócios conectado à oferta 100% digital. 
– Redução significativa de demanda por espaços comerciais considerando a ampliação do home office e comércio eletrônico. 

Comments are closed