Inovações tecnológicas são o futuro da construção civil

Inovações tecnológicas são o futuro da construção civil

O setor da construção civil cresceu 2% no segundo trimestre de 2019, em relação ao mesmo período do ano passado, depois de cinco anos registrando quedas. E no 15º Encontro de Diretores e Gestores da Construção promovido pela Enredes com o apoio da Sto Brasil, será refletido o papel do mercado de capitais e dos fundos de investimentos no novo ciclo do setor imobiliário, industrialização e inovação em sistemas construtivos.

Neste ano, a construção civil foi atividade responsável por gerar cerca 20% de empregados no país, um total de 96,5 mil pessoas segundo os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho.


Para 2020, a expectativa do mercado da construção é de melhora, principalmente com a baixa de juros e o cenário econômico mais favorável. Além disso, o Estados Unidos voltou a investir na construção civil, o que faz com que os investidores olhem para outros mercados, principalmente o brasileiro.

O crescimento da demanda na construção civil também se depara com um novo perfil de consumidor, cada vez mais exigente e que busca novas alternativas inteligentes e sustentáveis. E no evento para gestores da Enredes, a Sto Brasil apresentará seus produtos que são produzidos pensando neste novo modelo de consumo.

Cada vez mais conscientes, os consumidores buscam empreendimentos que tenham certificados de sustentabilidade. A Sto é conhecida mundialmente por oferecer soluções eficientes e tecnológicas, que contribuem de maneira positiva para o meio ambiente. Os sistemas de isolamento para fachadas conferem conforto termoacústico, praticidade no tempo de execução e redução do desperdício em obra.


15º Encontro de Diretores e Gestores da Construção


LOCAL: Milenium Centro de Convenções – Rua Dr. Bacelar, 1.043 — Vila Mariana
DATA E HORÁRIO: 04 de dezembro de 2019, das 08h30 às 17h30
INFORMAÇÕES:http://www.enredes.com.br/eventos/15o-encontro-de-diretores-gestores-da-construcao/

Comments are closed