Empreendimentos imobiliários com pet place oferecem espaços lúdicos para os animais de estimação

Empreendimentos imobiliários com pet place oferecem espaços lúdicos para os animais de estimação

Segundo dados da Abinpet (Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação) o Brasil é o terceiro maior país em população total de animais de estimação, com mais de 130 milhões de pets, sendo os principais cães, gatos, peixes e aves. O mercado pet foi um dos que mais cresceu durante a pandemia, colocando o Brasil em sexto lugar no mercado mundial, segundo dados do Euromonitor International, isso porque muitas pessoas adotaram animais de estimação, uma companhia mais que bem-vinda especialmente durante o isolamento social.

Os pets são uma extensão da família, por isso, as incorporadoras também estão se adaptando a este novo “morador”. Os pet places são ambientes lúdicos, presentes nas áreas comuns de condomínios residenciais, que oferecem uma área apropriada para cães e gatos, facilitando a rotina dos tutores e melhorando a qualidade de vida dos animais.

O empreendimento Vila Glória, entregue pela GT Building em julho de 2021 no Alto da Glória, se preocupou com este assunto desde o início do projeto e proporciona uma estrutura completa de lazer para moradores. O pet place fica no Ático em um gramado com brinquedos, água e sacos plásticos para coleta higiênica. Isso garante aos tutores maior tranquilidade para passear com o pet em uma área segura e protegida, que permite que os animais brinquem, se exercitem e também socializem com outros pets.

O veterinário, Luciano de Luca, do Pet & Love Centro Veterinário, de Curitiba, lista os principais benefícios dos pet places, tanto para os animais, quanto para seus tutores. São eles:

  1. Construção de um ambiente harmonioso: o espaço de pet place é muito legal para se construir novas amizades entre os condôminos que frequentam esta área.
  2. Interação animal: neste espaço a interação entre os pets traz muitos benefícios comportamentais para eles, como o aprendizado de socialização e afetividade com os outros animais.
  3. Diminuição de estresse: a atividade neste espaço faz com que o cachorro brinque, corra e explore espaços e cheiros do ambiente. É muito importante para que ele utilize o corpo fazendo exercícios, bem como a sua inteligência na exploração. Estes exercícios fazem com que o animal chegue em casa relaxado e menos estressado, diminuindo os comportamentos indesejados, como demarcação de território, e destruição de moveis e portas. Cada vez mais pessoas também têm apostado em passeios de coleira e socialização para gatos.
  4. Segurança: o mais interessante do espaço é propiciar segurança para o pet, evitando que ele tenha por onde fugir e que tenha acesso a plantas ou dejetos tóxicos, presentes nas ruas. É muito importante também para o proprietário, que muitas vezes precisa sair na rua para passear com o seu pet e se sente inseguro, principalmente no período da noite.

Comments are closed