Ekko Group: Incorporadora cresce no período de crise e almeja estar entre as maiores nos próximos cinco anos

Ekko Group: Incorporadora cresce no período de crise e almeja estar entre as maiores nos próximos cinco anos

As primeiras raízes do Ekko Group foram fincadas em 1999 na Grande São Paulo. Seus primeiros frutos nasceram da Ekko Construtora, empresa familiar fundada por Diego Dias, atual CEO e seus pais, com foco na construção de casas para venda em condomínios fechados de médio e alto padrão.

Com a chegada de Diego, filho do casal Dias, à gestão corporativa da companhia — após anos trabalhando no mercado financeiro — novos horizontes foram abertos para a companhia. Além de construtora, a Ekko transformou-se com a realização de novas sociedades empresariais. “A carteira de incorporação cresceu muito na época e decidimos terceirizar nossos canteiros de obra para ganharmos escala como incorporadora”, explica. Atualmente, conta com mais de 50 empresas sócias em regime SPS (Sociedade Propostas Específicas). Em 2016, a Ekko Group Incorporadora recebeu seu primeiro aporte de fundos de investimento, o que abriu portas para a empresa, que hoje conta com seis fundos investidores em seu negócio.

Com foco maior em incorporação, a Ekko deixou de lado a construção, sem abrir mão de sua identidade nos projetos. Criou a Ekko Construtora e Gestão, empresa responsável por manter o DNA da marca nos empreendimentos. Em sua equipe — ao todo são 200 colaboradores — a Ekko Group conta com arquitetos dedicados a desenvolver conceitos diferenciados para os condomínios da companhia. “Nós criamos identidade longe daquilo que o mercado replica. Não existe projeto igual ao outro”, explica.

Com o objetivo de comercializar produtos diferenciados, a Ekko Group aposta em alguns elementos, como a presença de porta-balcão no lugar das janelas, fechadura biométrica, alvenaria convencional que permite paredes internas moduláveis, entre outros atrativos. “Nós defendemos a sustentabilidade e a inovação”, enfatiza Diego.

Números fortes

Conhecida regionalmente, a Ekko Group tem forte atuação na Grande São Paulo, principalmente na região de Osasco, Granja Viana e Alphaville. Oferece produtos compactos para o cliente média renda e unidades maiores para o cliente alta renda. Desde 2018, seu VGV vem aumentando significativamente, de R$ 230 milhões para R$ 510 milhões em 2019, um acréscimo de mais de 100% no volume. Para 2020, o desafio ainda é mais agressivo: atingir R$ 1,1 bilhão e 12 projetos.

Para Diego, a Ekko Group soube surfar a onda da crise. “Estávamos com baixo estoque e pouca dívida, o que nos permitiu comprar terrenos e matéria-prima a preços atrativos”. Hoje, segundo o CEO da empresa, o caminho ainda é longo. “Os consumidores estão comprando motivados pela melhora econômica do que pela venda líquida”.

Comments are closed