Category Archive artigo

Leilão on-line de imóvel: oportunidade durante a crise

Por Fernando Nekrycz

Numa crise podem surgir inúmeras oportunidades. No mercado imobiliário não é diferente. Com a parada da construção civil em razão da pandemia de covid-19, pudemos observar o crescimento da procura de imóveis disponíveis em leilão on-line. O fato também é impulsionado pelas incertezas na economia e pela redução da rentabilidade de aplicações financeiras. Por isso, o investidor busca inovar sua atuação por meio desse tipo de compra e aproveita o isolamento social para pesquisar e participar dessa modalidade de aquisição.

A pandemia evidenciou que há pessoas dispostas a aprimorarem seus investimentos. Elas estão aprendendo que a compra de imóvel por meio do leilão on-line pode ser interessante para quem tem liquidez e não vê, no mercado financeiro, a possibilidade de retorno a curto prazo.

Sendo assim, o leilão é uma saída para quem pensa em lucrar futuramente com a revenda do imóvel que foi arrematado por um preço abaixo do valor de mercado – e que dificilmente sofrerá redução em relação ao valor pago pelo investidor. O leilão ainda possibilita retorno no curto prazo por meio de locação e também pode ser uma saída para quem necessita de liquidez imediata, já que a rapidez na venda aumenta em relação a outras modalidades de negociação do mercado imobiliário.

Vale ressaltar que a compra por esse meio é segura. Entretanto, existe a possibilidade, ainda que remota, de haver fraude na execução ou contra credores. Neste caso, vale a contratação de um advogado, para que ele verifique eventuais pendências do imóvel e de seu(s) proprietário(s), principalmente em caso de leilão judicial, bem como para auxiliar o comprador na interpretação do edital.

Além disso, é muito importante saber de antemão se o imóvel está ocupado e em quais condições se encontra. Quando há possibilidade, a visita pode ser imprescindível para a tomada de decisão.

No mais, vale ao comprador se planejar em relação ao seu lance máximo e não se empolgar com qualquer preço, avaliando sempre a melhor forma de pagamento e a que cabe no orçamento. Após a arrematação é importante registrar-se a transação no cartório de registro de imóveis, tendo em vista que pode recair sobre o mesmo imóvel mais de uma penhora.

Vale ressaltar que o vendedor poderá estipular um valor mínimo para a venda (lance condicional). Havendo oferta inferior ao valor mínimo estipulado pelo vendedor, caberá a ele concordar, rejeitar ou enviar uma contraoferta ao arrematante.

Fernando Nekrycz é especialista em direito imobiliário, sócio do NSE Advogados Associados e fundador da Xaza, plataforma de intermediação imobiliária que facilita a compra e venda de imóveis exclusivos 

Tags, , , ,

Transparência, segurança e UX: os pilares do sucesso dos leilões on-line

Por André Zukerman

Usar a internet para encontrar boas ofertas e fazer compras já é um hábito comum à maioria dos brasileiros graças ao avanço da tecnologia. No caso dos leilões, foi uma das principais ferramentas que contribuíram na popularização dessa modalidade de negócio. Um leilão nada mais é do que uma negociação envolvendo órgãos públicos, empresas privadas e até pessoas físicas, em que o produto é comprado por quem oferecer o maior valor. Com o ambiente digital, a participação se tornou mais simples, e os descontos realmente vantajosos são atrativos para quem busca ótimas oportunidades. Entretanto, três questões formam os pilares do sucesso e explicam o crescimento dos leilões on-line de imóveis:

1 – Transparência na negociação

A transparência é característica fundamental de um leilão. Praticamente tudo é feito de forma clara, com os participantes sendo informados de todos os passos necessários. Dessa forma, a pessoa não precisa se envolver em longas negociações com o proprietário do imóvel ou com o corretor para chegar a um preço considerado justo. Tampouco ele corre o risco de perder o bem com negociações paralelas, uma vez que os lances feitos pelos interessados ficam disponíveis na plataforma para todos acompanharem o processo em tempo real.

2 – Segurança em todos os processos

Com transparência total em todas as etapas do negócio, o usuário tem mais confiança de que suas informações pessoais estão protegidas na plataforma. A página, as informações e os documentos dos clientes são criptografados por meio do protocolo SSL; além disso, as melhores empresas do setor dispõem de toda a tecnologia para proteção de dados.

A segurança, contudo, vai além da tecnologia e engloba também a própria negociação. Todos os detalhes do bem e condições de pagamento são fáceis de acessar no edital, principal documento em um leilão sempre disponibilizado na página específica daquele lote. Além disso, a pessoa pode contar com canais de atendimento para sanar todas as dúvidas.

3 – Experiência do usuário

Em um leilão on-line, todo o processo para arrematação é realizado por meio da internet, incluindo a escolha da opção de pagamento, o envio de documentos e comprovantes e a assinatura digital da ata. Assim, é extremamente importante ter uma plataforma de interface amigável e intuitiva, assim como rápido processamento de dados a fim de que a pessoa tenha todas as informações necessárias ao seu alcance para participar da melhor forma possível.

Desse modo, o cliente pode participar de uma negociação em qualquer lugar; basta estar conectado a um dispositivo com internet. Assim, a experiência do usuário também passa pela necessidade de manter relacionamento próximo com ele, oferecendo não só diversos canais de relacionamento, como telefone, chat, e-mail e WhatsApp, como conteúdos informativos com dicas e particularidades desse universo. Tudo para que ele se sinta confortável em se habilitar e dar lances.

Com esses três pilares em perfeita sintonia, a tendência dos leilões on-line é aumentar ainda mais sua popularidade no Brasil. Cada vez mais a modalidade está se transformando em uma opção viável para o público. Há crescente interesse de diversos grupos e classes sociais que buscam alternativas ao mercado tradicional por conta da facilidade ao acesso das ofertas, os valores abaixo da avaliação e a flexibilidade do pagamento. Quando todas essas características se juntam em uma negociação, todos saem ganhando.

André Zukerman, CEO da Zukerman Leilões